Escola de Dança da FUNCEB registra intensa procura pelos Cursos Preparatórios e Cursos Livres

Inscrições foram abertas nesta segunda (22) e seguem até sexta-feira (26)

Interessados nos cursos da Escola de Dança da Funceb ficaram desde cedo no local em busca de uma vaga.

A Escola de Dança da Fundação Cultural da Bahia – FUNCEB, unidade da Secretaria de Cultura do Estado – SECULT, abriu ontem o período de matrículas para os seus Cursos Preparatórios e Cursos Livres. As vagas disponíveis mobilizaram centenas de pessoas, numa movimentação intensa de interessados pelas inscrições. O registro desta busca confirma a respeitabilidade da Escola e a importância de seu papel social, fato que fortalece o empenho da instituição, através de seus órgãos gestores, em ampliar suas atividades ainda em 2010.

“O interesse pelos cursos da Escola de Dança tem sido maior ano após ano. A procura crescente não apenas atesta a importância da Escola e a sua capacidade de intervenção social, como também nos coloca diante de novos desafios. Durante esta gestão, o número de vagas oferecidas foi duplicado e investiu-se na diversificação e no aumento de cursos disponibilizados. Agora, estamos comprometidos em ampliar mais estes resultados ainda em 2010”, afirma Gisele Nussbaumer, Diretora Geral da FUNCEB. Alexandre Molina, Diretor de Dança, contabiliza: “Em 2009, a Escola encerrou suas atividades tendo tido cerca de 1,5 mil alunos regularmente matriculados, oportunizando o ensino qualificado em dança a crianças, jovens e adultos”.

Os Cursos Preparatórios são anuais, vespertinos e se direcionam ao público infanto-juvenil, com idade entre 5 e 17 anos. Eles se dividem em dois blocos: o de Iniciação à Dança (de I a IV, para idade entre 5 e 9 anos) e o de Níveis (de I a VII, para 10 a 17 anos), com aulas de danças populares, balé, capoeira, dança moderna, dança afro e prática coreográfica. A cada ano, são abertas duas novas turmas, com 25 vagas cada (num total de 50), para o primeiro grau de Iniciação. Nos graus seguintes, as vagas dependem da desistência de alunos veteranos, que têm prioridade de matrícula – no mês de dezembro, é feita a renovação da permanência. Já os Cursos Livres, noturnos e semestrais, são voltados para adultos e oferecem turmas de estilos diversos – neste semestre, tem balé clássico e dança afro. Não há pré-requisito seletivo para os interessados e o número de vagas de cada uma das três turmas disponíveis é variado. O único custo para todos os alunos é de R$ 20 por semestre, em taxa de inscrição.

“Recebemos cerca de 300 pessoas apenas no primeiro dia do período de matrículas. É certo que não teremos vagas nos cursos sequenciais deste semestre para todos os interessados, mas estamos fazendo o cadastramento individualmente: não deixamos de atender ninguém. A ideia é que possamos oferecer atividades paralelas, como oficinas, aulas de capoeira e arte integrada, ao longo deste semestre. Para o próximo, estamos trabalhando para ampliar nosso espaço físico, o que nos dará condições de realizar mais ações”, explica Beth Rangel, Diretora da Escola de Dança.

Além das duas categorias de cursos que estão com inscrições abertas, existe o Técnico Profissionalizante em Dança, com duração de dois anos e meio, que é reconhecido pelo MEC e trabalha na formação de profissionais da área. As aulas, no turno matutino, foram iniciadas na segunda-feira, 22 de fevereiro, com 60 alunos aprovados em seleção específica, com teste de aptidão.

Anúncios

Os comentários estão desativados.