Salões Regionais de Artes Visuais da Bahia 2010 estreiam em Feira de Santana

Resultado de edital da Fundação Cultural do Estado da Bahia – FUNCEB, unidade da Secretaria de Cultura do Estado – SecultBA, os Salões Regionais de Artes Visuais da Bahia 2010 abrem temporada nesta sexta-feira, 11 de junho, às 19 horas, no Centro de Cultura Amélio Amorim, em Feira de Santana. Na ocasião, a comissão de premiação irá anunciar a lista de artistas premiados dentre os expositores. A mostra, com 26 obras dos mais diversos estilos, fica aberta à visitação pública, gratuitamente, até 25 de julho.

Surgidos em 1992, os Salões Regionais de Artes Visuais da Bahia são uma ação de difusão e incentivo à produção em artes visuais no Estado e contemplam trabalhos de livre temática, nas modalidades de arte e tecnologia, assemblage, cerâmica, colagem, desenho, design gráfico (ilustração, humor gráfico e quadrinhos), escultura, fotografia, grafitti, gravura, instalação, objeto, performance, pintura, tapeçaria e videoarte.

“Nos últimos três anos, através do edital Salões Regionais de Artes Visuais, a Fundação Cultural realizou nove exposições, premiando 60 artistas de diversos Territórios de Identidade baianos”, contabiliza Gisele Nussbaumer, diretora da FUNCEB. “Os Salões contribuem, anualmente, para a revelação de novos talentos, o reconhecimento de artistas experientes, o intercâmbio na área e a pesquisa de novas estéticas. A montagem das exposições em cidades do interior ainda possibilita a descentralização dos espaços de visibilidade das artes, ampliando o acesso e as opções para público, artistas e produtores culturais”, conclui ela.

Neste ano, o edital Salões Regionais de Artes Visuais da Bahia teve 530 projetos inscritos e 77 selecionados para compor três exposições que acontecerão em centros de cultura administrados pela FUNCEB em cidades do interior baiano. Depois de Feira de Santana, Jequié (9 de julho a 22 de agosto) e Vitória da Conquista (13 de agosto a 26 de setembro) sediarão as mostras seguintes. Em cada uma delas, três artistas serão premiados – dois recebem o Prêmio FUNCEB, no valor de R$ 6 mil, e um recebe o Prêmio Incentivo, de R$ 3 mil, a ser dado a um artista cuja cidade de origem pertença ao Território de Identidade onde o Salão estiver sendo realizado. Assim, somam-se nove nomes destacados entre os expositores, escolhidos por comissões de premiação formadas, a cada edição, por integrantes de reconhecida atuação na área, alcançando o total de R$ 45 mil em premiação.

Além de participar das exposições, os artistas terão suas obras nas páginas do Catálogo dos Salões Regionais de Artes Visuais da Bahia, publicação bianual de registro e divulgação. A primeira edição do Catálogo, com 120 páginas que reúnem os trabalhos dos Salões de 2007 e 2008, foi lançada em 2009 e, além da versão impressa, está disponível para download.

Para Dilson Midlej, diretor de Artes Visuais da FUNCEB, os Salões Regionais de Artes Visuais 2010 são um importante mecanismo de valorização da produção contemporânea das artes visuais baianas. “Com mais de 500 obras apresentadas ao edital este ano, a comissão de seleção, composta pelo artista visual Caetano Dias, a artista plástica Maria Adair e o galerista Denisson Oliveira, pôde selecionar as que irão para os Salões a partir de um contexto que reflete a diversidade e a vitalidade das artes visuais da Bahia. As obras que serão expostas nos Salões de 2010 muito bem representam esta realidade”.

A lista das obras e artistas selecionados para as edições dos Salões Regionais de Artes Visuais da Bahia 2010 está aqui.

RECONHECIMENTO
“Essa iniciativa é especialmente importante para mim que, aos 75 anos, mostrei pela primeira vez minhas pinturas em uma edição dos Salões em Feira de Santana, ganhando uma menção do júri, e, em 2009, tive a felicidade de ser selecionado no para a exposição de Valença e ganhar o prêmio da FUNCEB”, revela o artista Manoel Oliveira, mais conhecido como M.B.O., premiado com a instalação de parede Patí em Festa.

Já a artista visual Liane Heckert, laureada na exposição dos Salões em Juazeiro também no ano passado, com a instalação Intervalo, pontua: “Para mim, os Salões Regionais de Artes Visuais são um incentivo, um estímulo à produção artística iniciante, uma oportunidade de fazer-se ver em outros espaços, para um outro público”.

A argentina Lola Serrano, residente na Bahia desde 1997, reconhece que a participação nos Salões possibilita o diálogo entre artistas. “Às vezes, nós (artistas) não nos conhecemos, não sabemos do trabalho do outro. No meu caso, a troca gerada pelos Salões, entre a minha obra e a dos demais, foi riquíssima, incentivando meu pensamento, meu olhar e minha produção”, afirma. Lola foi também premiada em 2009, na edição de Porto Seguro.

Salões Regionais de Artes Visuais da Bahia 2010 – Feira de Santana
Quando:
Abertura: 11 de junho, sexta-feira, às 19 horas
Visitação: 12 de junho a 25 de julho
Onde: Centro de Cultura Amélio Amorim
Avenida Presidente Dutra, 2222, Capuchinhos – Feira de Santana, Bahia
Telefone: (75) 3625-0572
Quanto: Gratuito

Anúncios

Os comentários estão desativados.