Nancy Viegas e Radiola lançam novo disco: ArRede – Tempo Sem Nome

Álbum foi premiado pelo edital Apoio à Produção de Conteúdo em Música, da FUNCEB/SecultBA

Em show gratuito neste sábado, 7 de julho, às 20 horas, no Cine-Teatro Solar Boa Vista (Engenho Velho de Brotas), Nancy Viegas e Radiola lançam ArRede – Tempo Sem Nome: uma visão musical inspirada em Salvador, envolvendo diversos aspectos desta cidade urbana e litorânea. A produção conta com apoio financeiro conquistado através do edital Apoio à Produção de Conteúdo em Música no Estado da Bahia, da Fundação Cultural do Estado da Bahia (FUNCEB), instituição vinculada à Secretaria de Cultura do Estado da Bahia, mediante recursos provenientes do Fundo de Cultura da Bahia (FCBA). Após o lançamento, o disco completo ficará disponível para audição e download livre no site www.bandaradiola.com.br/arrede.

O projeto foi proposto pela cantora e produtora Nancy Viegas, que, no princípio, convidou a Radiola para fazer a base deste trabalho. As identificações musicais, no entanto, foram tantas, que a artista e o grupo se integraram definitivamente. O resultado é então este terceiro CD da banda, da qual Nancy passou a ser membro. Ela própria, ao lado de Tadeu Mascarenhas – que fez também a gravação, mixagem e masterização do álbum –, assina a produção da obra, totalmente gerada no Estúdio Casa das Máquinas, em Salvador/BA, e que sai pelo selo Plataforma de Lançamento.

Os elementos de ArRede – Tempo Sem Nome se fundem às culturas digital e analógica, e à música pop. Revelam passado, presente e futuro na utilização de novas e antigas tecnologias e nos elementos de samba de roda, samba reggae, soul music, rock, ska e música brasileira. Foram usados gravadores de rolo, fita k7 com 4 canais e até mesmo gravação em um canal.

O disco conta ainda com participações ilustres de Edbrás, Letieres Leite, Chocolate da Bahia, Mauro Telefunksoul, João do Boi e Alumínio, do grupo Samba Chula de São Braz, e Cicinho de Assis. A arte da capa e o encarte são também de Nancy Viegas, sobre fotografias analógicas de Caroline Bittencourt.

Radiola é: Alan Abreu (bateria), Larriri Vasconcelos (baixo), Tico Marcos (guitarra, cavaquinho), Germano Estácio (percussão), Felipe Kowalczuk (percussão), Tadeu Mascarenhas (teclados, guitarra), Fabio Dias (voz e cavaquinho), Nancy Viegas (voz).

Sobre o edital Apoio à Produção de Conteúdo em Música no Estado da Bahia – O certame objetiva incentivar a pesquisa e a produção artística, bem como a democratização de conteúdo musical na Bahia, concedendo apoio a projetos inéditos de gravação e/ou registro audiovisual de artistas ou grupos atuantes no estado, em qualquer gênero. Lançado em 2009, o edital selecionou 10 projetos dentre 111 inscritos. Os contemplados se dividiram em três categorias: Categoria 1, com quatro propostas de até R$ 20 mil; Categoria 2, com mais quatro propostas de até R$ 40 mil; e Categoria 3, com duas de até R$ 80 mil, num total de cerca de R$ 400 mil de investimento.

Lançamento do CD ArRede – Tempo Sem Nome
Quando: 7 de julho (sábado), 20 horas
Onde: Cine-Teatro Solar Boa Vista (Parque Solar Boa Vista, s/n, Engenho Velho de Brotas – Salvador/BA)
Entrada Franca
Contato: contatobandaradiola@gmail.com
Apoio financeiro: FUNCEB/ FCBA/ Sefaz/ SecultBA

Anúncios

Os comentários estão desativados.