FUNCEB convoca artistas para integrar o Mapa Musical da Bahia

Através de cadastramento público, projeto pretende reconhecer e difundir a diversidade criativa da música de todas as regiões do estado

A Fundação Cultural do Estado da Bahia (FUNCEB), entidade vinculada à Secretaria de Cultura do Governo do Estado (SecultBA), convida artistas da música atuantes na Bahia e que produzem trabalhos autorais para se cadastrarem no Mapa Musical da Bahia. Esta nova iniciativa, que objetiva mapear, reconhecer e difundir a diversidade da música produzida no estado, pretende compor um panorama dos cenários musicais existentes nos 27 Territórios de Identidade baianos, englobando seus 417 municípios. Isto vai servir de base para o planejamento de ações e programas que incentivem o desenvolvimento da música da Bahia, além de possíveis desdobramentos em ações de difusão para uma seleção dos trabalhos inscritos. Os artistas podem se inscrever através de sistema online ou via Correios, até o dia 23 de novembro. Todas as instruções estão disponíveis no site www.fundacaocultural.ba.gov.br/mapamusical.

Para participar do cadastro, os músicos e compositores devem apresentar o seu trabalho através de até três registros de áudio, com músicas que podem ser composições autorais, interpretadas pelo próprio autor ou por outros músicos/cantores, e obras de domínio público com arranjo musical autoral.

Aliado às possibilidades de motivar realizações que beneficiem todo o setor, oMapa Musical da Bahia prevê possíveis desdobramentos. Comissões de especialistas vão analisar os trabalhos inscritos por Território de Identidade e propor mostras que representem a produção musical de cada uma das regiões, para lançamento de rádio online, coletâneas musicais, participação em festivais, projetos de circulação de shows e produção de conteúdos de divulgação. O cadastro poderá servir, ainda, como fonte de informações para pesquisadores, críticos, jornalistas e autores convidados para apresentar seus olhares sobre a produção musical baiana.

Mapa Musical da Bahia evidencia-se como uma ação prioritária dentro das políticas públicas de fomento à música no estado. Sua realização vem suprir uma lacuna de informações relacionadas ao setor, que se destaca como um rico celeiro de talentos que precisam ser identificados e estimulados.

O projeto se fundamenta em dados obtidos em mecanismos de apoio promovidos pela SecultBA, que comprovam esta produtividade intensa na área e uma grande demanda de incentivo para projetos musicais em todas as regiões baianas. OEdital Setorial de Música 2012 contabilizou 417 projetos apresentados: o maior número de registros recebidos entre os Editais Setoriais das Artes, representando mais de 30% do total de 1.372 propostas enviadas para os sete concursos relacionados às linguagens artísticas lançados com recursos do Fundo de Cultura da Bahia (FCBA) neste ano. Destas 417 propostas, 282 foram oriundas de Salvador e 135 de outras cidades do estado.

No Fazcultura, em 2010, 57% dos projetos inscritos foram de Música; em 2011, a percentagem foi de 55% em relação ao total de propostas apresentadas. Já em 2012, esta taxa subiu para 73%. Até agosto deste ano, 58% dos projetos aprovados para recebimento de apoio pelo Fazcultura são da área musical, e 12 dos 16 projetos patrocinados nos primeiros oito meses de 2012 são referentes ao setor.

Estes números são uma mostra objetiva de um histórico significativo do que a Bahia apresenta ao Brasil e ao mundo em termos de música. Ícones surgiram no estado, que revela, a todo momento, novos nomes promissores que representam a sua produção contemporânea. O Mapa Musical da Bahia quer atuar diante deste fato, buscando dar mais visibilidade a artistas emergentes ou que não estão inseridos no contexto mercadológico da música.

COMO SE INSCREVER – As inscrições são abertas a pessoas físicas, exclusivamente para autores das obras a serem apresentadas, e ficam abertas de 10 de setembro a 23 de novembro de 2012. Para participar, o artista deve apresentar ao menos uma música e no máximo três obras de sua autoria e/ou obras de domínio público com arranjo musical autoral, em arquivos de áudio nos formatos MP3 ou WMA, além de dados pessoais e de sua carreira artística.

As inscrições podem ser feitas através de sistema online, disponível no sitewww.fundacaocultural.ba.gov.br/mapamusical, ou pelos Correios, com envio do Formulário de Inscrição, documento disponível para download na mesma página, acompanhado de um CD com as músicas, através de serviço Sedex ou Carta Registrada, com Aviso de Recebimento (AR).

Cadastramento Mapa Musical da Bahia
Quando: de 10 de setembro a 23 de novembro de 2012
Inscrições pela Internet:
Cadastro, envio de dados e arquivos de áudio, em MP3, através do endereçowww.fundacaocultural.ba.gov.br/mapamusical.
Inscrições pelos Correios:
Enviar Formulário de Inscrição (disponível em www.fundacaocultural.ba.gov.br/mapamusical) acompanhado de CD com os arquivos de áudio, em MP3, através de serviço Sedex ou Carta Registrada, com Aviso de Recebimento (AR), para:

FUNDAÇÃO CULTURAL DO ESTADO DA BAHIA
Cadastramento Mapa Musical da Bahia
CAIXA POSTAL 2485, CEP 40.020-970, Salvador – Bahia

Quanto: Gratuito
Cadastro online, documentos, regulamento e orientações:
www.fundacaocultural.ba.gov.br/mapamusical
Mais informações:
Coordenação de Música da FUNCEB
71 3324-8524/ 3324-8526, segunda a sexta, 14h às 18h
musica.funceb@funceb.ba.gov.br
Realização: FUNCEB/ SecultBA

Anúncios

Os comentários estão desativados.